Blog Algar Tech › Artigos

Segurança da informação: 5 dicas de como proteger sua empresa de vulnerabilidades

talita
Artigo por
talita
Publicado em
28/11/22
Imagem de uma mulher asiática branca de cabelos pretos cumpridos. Ela veste uma camisa preta de mangas longas e está sentada diante de uma mesa em frente a duas telas de computadores. Ela está digitando e nas telas vemos códigos de segurança.

Segurança da informação, vulnerabilidades, cibersegurança, LGPD…Temos certeza que você já ouviu falar desses termos, mas você sabe como eles atuam e qual a importância deles para manter sua empresa protegida?

Bom, desde que as empresas começaram a migrar e atuar em sistemas virtuais, o que foi um grande passo para a sociedade junto com a tecnologia, algumas ameaças começaram a aparecer também.

Roubo de dados, ataques cibernéticos, sequestro de dados… Esse tipo de situação se tornou recorrente ao ponto de as empresas precisarem se proteger para não sofrerem ciberataques.

Além disso, entrou em vigor a Lei de Proteção de Dados – LGDP, lei brasileira que foi publicada com o objetivo de proteger os direitos fundamentais de privacidade e personalidade de cada indivíduo.

Por isso, as equipes de Segurança da Informação fomentam cada vez mais, atribuições que garantem o controle do tratamento de dados pessoais, ferramentas de monitoramento e detecção de ambientes, profissionais cada vez mais especializados e atentos às situações do mercado de cybersecurity.

Por isso, é fundamental, para a sobrevivência no mercado e também para manter um relacionamento de confiança com seus clientes, que as empresas invistam na segurança da informação. Pensando nisso, abaixo separamos as principais dicas de como proteger sua empresa de vulnerabilidades. Confira!

O que é vulnerabilidade de segurança?

O primeiro passo para entender a necessidade de proteção dos dados da sua empresa é saber o que são vulnerabilidades. 

Bom, podemos definir como vulnerabilidades as falhas e brechas de segurança das empresas que comprometem a integridade de equipamentos e sistemas de TI, deixando os dados desprotegidos e suscetíveis a ações de hackers. 

Ou seja, vulnerabilidades são os fatores que facilitam o acesso não autorizado aos sistemas e dados da sua empresa. Desse modo, é necessário contar com soluções de segurança e cibersegurança para que essas vulnerabilidades sejam mapeadas e corrigidas.

Abaixo separamos os principais tipos de vulnerabilidades encontrados atualmente nas corporações. Confira:

  • Utilização de hardwares antigos; 
  • Softwares desatualizados;
  • Negligência às credenciais de segurança;
  • Não adotar uma cultura de cibersegurança;
  • Backup ineficiente.

Logo, podemos concluir que as vulnerabilidades surgem, principalmente, por falta de treinamentos, atualizações, cultura e falta de parceiros que ajudem no uso correto das tecnologias, para garantir um funcionamento integral dos sistemas de forma segura.  

O que é segurança da informação?

Segurança da informação é um conjunto de práticas que mantêm informações e dados sensíveis em sigilo e protegidos. Dessa forma, podemos dizer que a segurança da informação faz a defesa dos dados da sua empresa.

Assim, colocando essas práticas de segurança em uso, o risco de vazamento ou vulnerabilidade é menor. Entretanto, vale lembrar que a segurança da informação não anda sozinha! A cibersegurança é uma parte essencial da segurança da informação. 

Pois a cibersegurança protege tudo que é armazenado no ambiente digital e a segurança da informação é a parte ampla que faz o transporte seguro dos dados até o ambiente digital ou físico.

Nesse sentido, a segurança da informação refere-se às políticas, processos, métodos e práticas que devem ser empregados para que a circulação de dados e informações das empresas seja segura.

5 dicas de como proteger sua empresa de vulnerabilidades

Agora que você conhece o conceito de vulnerabilidade e de segurança da informação, abaixo separamos as principais dicas de como proteger a sua empresa. Confira!

1 – Faça teste de vulnerabilidades no hardware e software

Os hardwares são equipamentos de TI e os softwares são sistemas e aplicativos que estão sempre em atualização e evolução para corrigir erros, bugs e melhorar a performance. 

Desse modo, eles precisam ser periodicamente substituídos ou apenas atualizados. Mas, para isso, é preciso contar com um time de TI que vai monitorar e estudar as melhores formas de usar essas tecnologias.

Isso quer dizer que a defasagem tecnológica de hardwares e softwares pode ser a porta de entrada para hackers. Pois isso é importante fazer testes de vulnerabilidades nesses sistemas e ficar atento a atualizações e trocas para sistemas mais avançados. 

2 – Opte pelo uso do outsourcing de TI

Encontrar profissionais de TI no mercado não é uma tarefa fácil. Por isso, algumas empresas de tecnologia, como a Algar Tech, oferecem o serviço de outsourcing de TI, que se refere à terceirização dos serviços de tecnologia da informação.

Dessa forma, ao terceirizar a gestão de TI, a empresa vai contar não só com profissionais capacitados, mas também com as melhores soluções do mercado.

E, mesmo que o investimento seja maior, o custo-benefício compensa, pois a empresa terceirizada irá fornecer dispositivos e tecnologias atualizadas para prevenir os ataques e impedir o roubo ou o vazamento de dados.

3 – Invista em uma estrutura em nuvem

Uma das formas mais avançadas de garantir a segurança da informação é usar uma estrutura de computação em nuvem para armazenar os dados da sua empresa. Pois, na nuvem o nível de segurança é maior do que em data centers físicos.

Desse modo, existem 3 categorias de nuvem: pública, privada ou híbrida e todas têm seus benefícios, vantagens e peculiaridades. Assim, faça uma pesquisa no mercado e veja qual dos modelos mais se encaixa no momento atual da sua empresa.

Aqui na Algar Tech, nós temos a solução de Cloud Management, que ajuda as empresas a migrarem para a nuvem com foco na otimização de custos e elasticidade da infraestrutura. Clique aqui e saiba mais.

4 – Implemente camadas de segurança na sua empresa

Quando falamos de camadas segurança quer dizer que, tanto os sistemas virtuais, como físicos da sua empresa devem estar protegidos. Ou seja, não basta apenas investir em tecnologia se o acesso à sede da empresa não é controlado, se os computadores dos colaboradores em home office não utilizam a VPN e se não são feitos treinamentos com todos da empresa para que as práticas de segurança virem rotina.

Isso quer dizer que, para manter seu negócio seguro, é necessário pensar em sistemas e pessoas. Desse modo, aposte em treinamentos, crie um manual de cultura de cibersegurança e conte com soluções que irão garantir essa blindagem de informações sigilosas. 

5 – Faça contratos de confidencialidade

Outra forma de manter as camadas de segurança da sua empresa é fazendo contratos de confidencialidade com os colaboradores internos e com parceiros. Pois, assim, se garante que informações sensíveis, principalmente de clientes, serão resguardadas. 

Dessa forma, é importante que esse contrato de confidencialidade seja redigido pelo time jurídico da empresa, considerando os requisitos legais e o consentimento de ambas as partes para manter o acordo. 

Portanto, cuidar da segurança da informação é colocar em prática várias estratégias para que, no dia a dia, as informações e dados da sua empresa estejam protegidos e seguros. Desse modo, é importante contar com parceiros sérios e com relevância no mercado, como a Algar Tech.

Clique aqui e repense possibilidades com a gente! 

Depois, acesse esse conteúdo e veja por que é importante investir em cibersegurança!

Assine nossa Newsletter

Saiba tudo o que acontece no mundo Tech

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Eventos e Premiações

Em um dos lugares mais lindos da Bahia (Trancoso), aconteceu,...

Tendências e inovações

A inovação tecnológica é fundamental para as empresas se manterem...

1
Solução
2
Sobre você
3
Sobre a empresa
Por favor, selecione uma das opções.
Insira seu nome completo.
Insira seu e-mail corporativo.
Seu telefone corporativo. Utilize apenas números.
Seu telefone celular. Utilize apenas números.
Por favor, preencha todos os campos do formulário.