Blog Algar Tech › Artigos

Auditoria de segurança da informação: por que é importante ter essa prática na sua empresa?

talita
Artigo por
talita
Publicado em
24/07/23
Na imagem temos um cadeado prata em cima de um teclado de computador.

Garantir integridade, confidencialidade, disponibilidade de dados armazenados por empresas e evitar prejuízos cibernéticos são algumas das funções da auditoria de segurança da informação. 

Ou seja, uma auditoria de segurança da informação ou segurança de TI é uma avaliação abrangente dos sistemas de segurança da informação de uma empresa, permitindo que as organizações avaliem seus sistemas, processos e políticas de segurança. Ela também ajuda na identificação de possíveis vulnerabilidades e implementa medidas de proteção adequadas.

Assim, realizar auditorias regulares pode ajudar a identificar pontos fracos na infraestrutura de TI, verificar os controles de segurança e muito mais. 

Uma empresa proativa em lidar com ameaças e ataques em potencial precisa ter em vigor uma estratégia de segurança cibernética eficaz. Neste artigo, entenda melhor quais são as práticas para ajudar a sua empresa nisso.

O que é auditoria de segurança da informação?

A auditoria de segurança da informação é um processo fundamental para garantir a proteção e a integridade das informações de uma empresa, escola, instituição corporativa, entre outras organizações.

Entre as principais vantagens dessa medida, estão:

  • Garantia de ética e compliance no sistema empresarial;
  • Conformidade com as regulamentações de proteção de dados;
  • Prevenção de invasões e corrompimento de dados;
  • Segurança do ambiente de trabalho e confiabilidade para stakeholders, clientes e colaboradores;
  • Garantia de melhor desempenho e produtividade.

Em resumo, a auditoria de segurança da informação é um processo de avaliação sistemática da segurança do sistema de informação de uma corporação, medindo o quanto ele está em conformidade com um conjunto de critérios estabelecidos.

Como uma auditoria de segurança da informação funciona?

Conforme dito anteriormente, a auditoria de segurança da informação é um processo fundamental para garantir a proteção dos dados. 

Desse modo, o objetivo principal é identificar possíveis vulnerabilidades e brechas de segurança para que medidas de proteção adequadas possam ser implementadas

Recomenda-se que seja realizada com uma determinada frequência, que pode ser mensal ou semestral, e deve ser feita por uma equipe ou empresa especializada. 

Existem dois tipos de auditoria de segurança da informação: a interna e a externa.

A auditoria interna, feita pelo próprio departamento de TI, é responsável por verificar e analisar os sistemas e procedimentos internos da instituição.

Enquanto que a auditoria externa, como o próprio nome diz, é feita por uma empresa terceirizada e que não tem vínculo com a contratante. 

Assim, em relação à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), a auditoria de segurança é essencial para garantir a proteção dos dados de usuários e evitar problemas com informações de terceiros, como vazamento de dados

Por que a auditoria de segurança da informação é importante?

Como dissemos, a auditoria de segurança da informação é um processo importante principalmente para identificar possíveis vulnerabilidades e brechas de segurança nos sistemas de TI, aplicações, serviços, acessos e funções de pessoal.

Desse modo, aqui estão as principais razões para fazê-la na sua empresa:

  • Identificação de riscos de segurança;
  • Análise da vulnerabilidade do sistema;
  • Prevenção de futuros problemas;
  • Garantia da conformidade com as leis e regulamentações;
  • Identificação de áreas que precisam de atenção e processos mais vulneráveis;
  • Prevenção de perdas financeiras;
  • Proteção da reputação da empresa;
  • Prevenção de vazamentos de dados;
  • Identificação de pontos fracos ou ferramentas desnecessárias;
  • Preparação para lidar com ameaças de segurança e recuperar as capacidades do negócio em caso de falha no sistema ou vazamento de dados.

Em resumo, a auditoria de segurança da informação é uma prática essencial para garantir a proteção dos dados corporativos e pessoais, a conformidade com as regulamentações e a continuidade dos negócios. 

Além disso, permite que a empresa esteja preparada para lidar com possíveis ameaças e manter a reputação e a confiança dos clientes.

Como executar uma auditoria de segurança da informação?  

A execução de uma auditoria de segurança cibernética é uma tarefa complexa que requer planejamento cuidadoso, coleta de informações, análise de risco, avaliação de controles, relatórios e acompanhamento. A seguir, confira como fazer cada uma dessas etapas.

1. Planejamento

Definir o escopo da auditoria, identificar áreas críticas que precisam ser avaliadas e designar uma equipe responsável pela auditoria. Além disso, estabelecer objetivos e metas para a auditoria e um cronograma para a execução.

2. Coleta de informações

Coletar informações sobre a organização, sistemas e processos. Isso pode incluir entrevistas com funcionários, revisão de documentos e análise de sistemas e infraestrutura.

3. Análise de risco

Com base nas informações coletadas, realizar uma análise de risco para identificar as principais ameaças e vulnerabilidades da organização. Isso pode ser feito a partir de várias técnicas, como análise de cenários e modelagem de ameaças.

4. Avaliação de controles

Avaliar os controles de segurança existentes na organização, como políticas, procedimentos e tecnologias de segurança. Isso inclui revisão de logs de segurança, testes de penetração e análise de configurações de segurança.

5. Relatórios e recomendações

Com base nos resultados da auditoria de segurança da informação, preparar um relatório detalhado com principais descobertas e recomendações para mitigar os riscos identificados. É importante que as recomendações sejam práticas e possam ser implementadas pela organização.

6. Acompanhamento

Após a entrega do relatório, é essencial realizar um acompanhamento para garantir que as recomendações foram implementadas corretamente e que os riscos foram mitigados.

É bom lembrar que o profissional responsável pela auditoria também deve verificar a gestão dos sistemas de e-mail, avaliar a infraestrutura de acesso e senha, implementar sistemas de backup, analisar políticas de privacidade e proteção, garantir conformidade e identificar níveis de atualização do sistema.

Quais são os objetivos de uma auditoria de segurança da informação? 

O primeiro objetivo da auditoria de segurança da informação é identificar e avaliar os riscos e fraquezas nos sistemas, processos e políticas de segurança da organização

Outro objetivo importante dessa auditoria é verificar a conformidade da organização com políticas e regulamentações específicas. Além disso, os auditores devem verificar se a organização está seguindo as próprias políticas e diretrizes de segurança.

E, por fim, a auditoria de segurança da informação recomenda medidas de mitigação para garantir que a organização esteja protegida contra ameaças de segurança.

Qual é a diferença entre auditoria de segurança da informação e avaliação de risco?

As atividades de auditoria de segurança da informação e avaliação de risco são essenciais para garantir a proteção dos dados em uma organização, mas apresentam diferenças significativas em seus objetivos e abordagens.

Pois, a auditoria de segurança da informação é uma revisão sistemática dos controles de segurança existentes em uma organização. Já a avaliação de risco é um processo mais amplo, que envolve a identificação de ativos, ameaças, vulnerabilidades e impactos associados à segurança da informação. 

Em resumo, a auditoria de segurança da informação e a avaliação de risco são atividades complementares, que se concentram em diferentes aspectos da segurança da informação. Ambas são importantes para garantir a segurança e devem ser realizadas regularmente.

Saiba como a avaliação de risco pode ajudar o seu negócio

A avaliação de risco também é fundamental para determinar o nível geral de risco da organização e identificar medidas adequadas para gerenciar ou mitigar esses riscos. 

Conhecer esses processos é fundamental para aprimorar a segurança da informação e manter a organização protegida. Saiba mais sobre avaliação de risco na cibersegurança.

Assine nossa Newsletter

Saiba tudo o que acontece no mundo Tech

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Eventos e Premiações

Em um dos lugares mais lindos da Bahia (Trancoso), aconteceu,...

Tendências e inovações

A inovação tecnológica é fundamental para as empresas se manterem...

1
Solução
2
Sobre você
3
Sobre a empresa
Por favor, selecione uma das opções.
Insira seu nome completo.
Insira seu e-mail corporativo.
Seu telefone corporativo. Utilize apenas números.
Seu telefone celular. Utilize apenas números.
Por favor, preencha todos os campos do formulário.